Uma escola para se inspirar – NA ÍNDIA

with 1 comentário

Riverside School foi uma das escolas que inspiraram a nossa caminhada para uma educação dinâmica, eficiente e conectada com o tempo atual.

Muito semelhante à nossa trajetória, após mais de 10 anos de atividade, a escola indiana começou o seu processo de reinvenção.

"Não para ser diferente ou divertida", defende Kiran Seth, diretora e fundadora da escola. Mas por ser necessário, para atender às propostas de hoje. "A mudança só é boa quando necessária".

 

 

Situada em Ahmedabad, na Índia, Riverside tem esse nome por estar ao lado do rio Sabarmati, local onde Mahatma Gandhi iniciou seu famoso "caminho da verdade" pela liberdade.

Entre tantas outras, talvez a principal virtude da escola seja o senso de comunidade que consegue desenvolver nas suas crianças. E o senso de que todas elas são importantes e podem fazer a diferença no mundo.

"Somos educados a como ajudar os outros, como sermos bons para a sociedade", diz Hyia Jain, aluna da sétima série.

A seguir, elencamos alguns pontos que fazem da Riverside School uma escola inspiradora!

 

ESTÉTICA

Segundo Kiran, os espaços abertos e bem decorados trazem a ideia de compaixão. E fazem a mente se sentir menos agressiva.

A diretora lembra que sua geração cresceu em escolas que pareciam presídios. "Tudo era fechado, eram prédios sem inspiração. Pensavam que as crianças ficariam distraídas, então não abriam as portas. Metaforicamente, nossas mentes também fecharam. Porque reduziram um mundo inteiro em uma pequena sala de aula."

 

VALORES

A escola está fundada sobre três valores:

Relevância: o motivo pelo qual se faz algo.

Relacionamento: a interação diária que se tem com as pessoas.

Vigor: o esforço que se coloca nas atitudes.

 

Do que líderes precisam? Não precisam de ideias, não precisam de paixão, precisam de vigor. Todo mundo tem ideias. Mas precisa-se daquele indivíduo raro que vai ficar com a ideia o tempo suficiente até virar prática. Então o vigor é preciso.

 

RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Para formar bons cidadãos é necessário ações diárias, concretas, acreditando que as crianças podem resolver qualquer problema.

Todas as crianças têm envolvimento com projetos de cidadania e atuam junto à ONGs, instituições, ou mesmo dentro da escola.

A estrutura para isso é: sentir, imaginar, fazer e compartilhar.

 

FASES DE DESENVOLVIMENTO

A escola leva em consideração as transformações biológicas das pessoas e o tempo de desenvolvimento de cada uma. Em cada período da vida escolar lança desafios pertinentes, conduzindo as crianças com naturalidade para a sua autonomia.

 

TUTORES

A partir de determinada série, os estudantes podem eleger disciplinas a cursar e são orientados por tutores.

A proposta é fazer com que os estudantes avaliem suas competências e tentem combiná-las ao que querem estudar. De acordo com a diretora, Kiran: "não faz sentido estudar algo com que não esteja alinhado com suas competências, senão ficará lutando e estará fadado ao fracasso".

 

POLÍTICA DO "SEM MEDO"

A escola pratica a política do "sem medo". O que significa que as crianças devem entender o projeto pedagógico e participar dele ativamente.

Por isso não há provas. Todos os alunos são avaliados por meio de relatórios dos seus processos e dos aprendizados.

O objetivo básico disso é o desenvolvimento pessoal, que não se compara, senão consigo mesmo.

 

BANHEIROS

No Riverside, as crianças limpam os banheiros.

"No país em que um terço dos famintos do mundo sobrevive, não é possível não termos gratidão por tudo o que temos", sentencia Kiran Seth.

Ou, como se recorda um dos estudantes: "Houve um dia em que o banheiro permaneceu interditado por razões pedagógicas, então entendemos o quanto é importante e o quanto precisamos dele. Naquele dia entendemos que precisamos limpar, cuidar e ter respeito por aquele local".

 

Assista ao episódio: Riverside School (Índia) | Destino: Educação - Escolas Inovadoras

 

One Response

  1. Mariana Carboni Avelino
    | Responder

    De fato uma excelente inspiração. Fico muito orgulhosa de saber que a escola do meu filho se preocupa em ajudar a formar cidadãos e não meros robôs para prestar vestibular.
    Parabéns por buscarem esses bons exemplos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.